The End of the F**king World | Netflix renovará série para a 2° Temporada

11228

Um dos objetivos da Netflix em 2018 é investir pesado para que cerca de 50% de seu catalogo seja original. A empresa confirmou que irá investir cerca de quase 7 milhões de reais para aumentar o número de títulos considerados originais, sendo de produção do próprio serviço ou mesmo de distribuição global (assim como fez recentemente com Glitch, O Atirador e Designated Survivor).

Para isso, o serviço não poupou esforços adquirindo os direitos de várias séries e filmes ao redor do mundo. Vale lembrar, que nem toda série que possui a logo “original Netflix”, é produzida pelo serviço. Alguns títulos,  o serviço apenas adquire os direitos de exibição fora do país de origem.

Infelizmente, alguns estúdios vem removendo séries conhecidas do público do catalogo da Netflix, sendo a principal, a FOX. Por isso a Netflix adotou o posicionamento de transformar seu catalogo em metade “original”. Um dos principais benefícios da disponibilidade de títulos “originais”, é que eles nunca deixarão o catalogo.

The End of the F**king World | Netflix renovará série para a 2° Temporada

The End of the F**king World | Conheça série da Netflix que mistura romance e terror

A Netflix liberou há poucos dias a série britânica The End of the F**king World, baseada na HQ de Charles Forsman.

A trama acompanha a jornada de dois jovens transtornados que fogem de casa.

Na trama o adolescente James acredita ser um psicopata e está procurando por sua primeira vítima. Em seu caminho, surge Alyssa, uma garota problemática e sem papas na língua. Juntos, eles formam uma parceria estranhamente perfeita… que pode culminar num romance verdadeiro e bizarro?

A primeira temporada de oito episódios apresenta o solitário James (interpretado pelo ator ” Black Mirror ” Alex Lawther) e a companheira de amigos Alyssa (atriz Jessica Barden), que se embaralham em uma viagem itinerante à medida que saltam a cidade para encontrar o pai estranho de Alyssa.


 

Segundo o site Renew/Cancel (site americano que informa renovações de séries antecipadamente), a série já foi renovada “silenciosamente” pelo Channel 4 (canal que produz a série) e pela Netflix.

O site ainda afirma que, a série deve estrear primeiramente no canal britânico, no fim de 2018, e na Netflix chega no início de 2019, exatamente 1 ano após a primeira temporada.

Assista ao trailer da primeira temporada.

COMPARTILHAR