Netflix produzirá mais séries originais Brasileiras

223

A série 3% estréia nesta sexta feira, e antes mesmo da chegada da primeira série original brasileira no catalogo da Netflix, a empresa já confirmou que virá mais produções no Brasil. Vale ainda lembrar que a empresa planeja lançar cerca de Mil horas de conteúdo original em 2017 e que existe uma meta de alcançar cerca de 50% de seu catalogo seja conteúdo original. A Netflix já possui uma outra produção em andamento no país, se trata de “O Matador”, um faroeste que se passa em Pernambuco no início do século 20, e deve estrear em 2017.

Quem fez questão de realçar isso foi o vice-presidente de séries originais internacionais da plataforma, Erik Barmack, que está no Brasil para a divulgação de 3%.

Segundo o executivo, existem outros projetos saindo do papel:  “É super provável que façamos muitas outras séries originais no Brasil, em português. Eu penso nisso. [3%] É só um começo. Recebo muitos projetos [de produtores brasileiros] e há muitas discussões em andamento, então teremos novidades sobre nossa estratégia de originais no Brasil nos próximos três ou seis meses. Talvez possamos fazer sete ou oito séries no Brasil, e queremos fazer séries para diferentes gostos. Eu aposto que em alguns anos veremos séries brasileiras sendo distribuídas ao redor do mundo, é assim que vai ser”, afirma.

Além da série e do filme O Matador, ainda existem mais produções engatilhadas como, os shows de stand-up comedy do youtuber Felipe Neto e Marco Luque, com competições de força e agilidade chamado Ultimate Beastmaster, com participação de Anderson Silva e Rafinha Bastos; e a série sobre a Operação Lava Jato, idealizada pelo diretor José Padilha, um dos responsáveis por Narcos.

Felipe Neto - Marco Luque - Netflix
Felipe Neto – Marco Luque – Netflix

“Ele [Padilha] é um grande talento e um grande diretor, então dissemos: ‘Se há algo em que você queira trabalhar, uma história que queira contar para o Brasil…’, e ele disse que tinha. Estamos trabalhando com [a roteirista] Helena Soares, vamos gravar no ano que vem. Essa é uma de muitas histórias que vamos contar no Brasil”, declara.

Apesar da confiança no conteúdo, ele ainda tem dúvidas sobre a recepção da primeira série brasileira distribuída mundialmente nos outros 190 países em que a Netflix atua.

“É difícil saber. Não pensamos num retorno numérico, pensamos na repercussão com os fãs apaixonados. O que gostamos é que 3% é jovem, moderna, é um gênero que as pessoas gostam de fazer maratona. Os tópicos [abordados na série] são muito relevantes não só para o país”, diz, esperançoso.

Brasileiras

Confira também:

COMPARTILHAR

3 COMENTÁRIOS

  1. Oi tudo bem netflix sou cliente e queria saber queria que vcs colocassem seriados antigos na netflix adoro ver os seriados gostaria muito São aqueles que passa num canal brasileiro gostaria que entrasse em contato comigo 11987785587

DEIXE O SEU COMENTÁRIO

Please enter your comment!
Please enter your name here